Do you want to buy antibiotics online without prescription? http://buyantibiotics24h.com/ - This is pharmacy online for you!

Microsoft word - 64 med gineco obstetra.doc

PROVA ESPECÍFICA – Cargo 64
QUESTÃO 26
SAS, 22 anos, ciclos oligoamenorréicos desde a menarca, comparece para consulta ginecológica. O exame físico evidenciou acne facial e índice de Ferriman e Gal way = 10. Peso:78,3 Kg, altura:1,62 m, cintura: 95 cm. O exame ginecológico estava dentro dos limites da normalidade. Em relação à propedêutica A ser realizada no caso acima, é CORRETO afirmar:
a) O aumento da relação LH:FSH é fundamental para a confirmação do diagnóstico de síndrome dos ovários policísticos e exclusão de alterações hipotalâmicas. b) A curva de temperatura basal e a dosagem de 17 OH - progesterona entre o 15º e o 21º dias do ciclo constituem os exames de escolha para confirmar o diagnóstico de anovulação, devido a sua alta sensibilidade e baixo custo. c) A presença de ovários aumentados de volume à ultra-sonografia endovaginal confirma o diagnóstico de síndrome dos ovários policísticos e exclui outras d) A determinação dos níveis séricos das gonadotrofinas é de pouca valia no diagnóstico da síndrome dos ovários policísticos, pois cerca de um terço das pacientes apresentam níveis plasmáticos de LH normais sem alterações na QUESTÃO 27

Um casal está tentando engravidar há cerca de 2 anos. A esposa tem 36 anos,
ciclos menstruais regulares e exame ginecológico normal. Há história de apendicite na adolescência e ausência de passado mórbido relevante. O marido tem 41 anos, não apresenta alterações ao exame físico e possui um filho de 6 anos de seu casamento anterior. Em relação à propedêutica de infertilidade conjugal nesse caso, é CORRETO afirmar:
a) O espermograma é dispensável, visto que o marido possui comprovação de fertilidade (um filho de seu casamento anterior). b) Em vista do declínio da função ovariana observado com o aumento da idade, o casal deve ser imediatamente encaminhado para a fertilização in vitro. c) A vídeolaparoscopia, o teste do clomifeno e dosagens de estradiol e progesterona são exames fundamentais na propedêutica inicial do casal acima. d) Dosagem de FSH no 3o dia do ciclo menstrual, histerossalpingografia, ultra- sonografia endovaginal e espermograma são os exames que devem ser realizados na avaliação inicial do casal.
QUESTÃO 28

Em uma paciente de 15 anos, com quadro de amenorréia primária, que, ao exame
físico, apresenta mamas e distribuição de pêlos pubianos estádio 1 de Tanner, os seguintes fatores etiológicos devem ser levados em consideração: a) Disgenesia gonadal pura, síndrome dos ovários policísticos e hímen imperfurado. b) Síndrome de Turner, disgenesia gonadal pura e síndrome de insensibildade a c) Síndrome de Cushing, síndrome de Sheehan e hiperplasia adrenal congênita de d) Síndrome de Rokitansky-Kuster-Hauser, hipoplasia uterina e hiperplasia adrenal
QUESTÃO 29

CAP, 33 anos, G1POA1, comparece à consulta ginecológica de rotina sem queixas.
Refere ciclos menstruais regulares e desejo de gravidez há seis meses. O exame ginecológico revelou útero discretamente aumentado de volume e a ultra-sonografia pélvica endovaginal mostrou “nódulo hipoecóico susbseroso/intramural localizado em parede corporal posterior, medindo 2,5 x 3,3 cm, sugestivo de leiomioma”. Nesse caso, a conduta CORRETA é:
a) orientar a paciente e controlar com ultra-sonografia. b) prescrever acetato de medroxiprogesterona 150 mg IM trimestral. c) realizar embolização das artérias uterinas. d) prescrever análogo do GnRH durante seis meses e, logo em seguida, realizar QUESTÃO 30

CVRD, 44 anos, G4P3A1, com quadro de dor pélvica crônica, foi submetida a
videolaparoscopia que evidenciou aderências em ambos os anexos, cisto ovariano à esquerda, medindo cerca de 3 cm de diâmetro, de conteúdo denso e achocolatado e nódulos de cerca de 0,5 cm de diâmetro no ligamento útero-sacro direito, fundo-de- saco e superfície intestinal, além de lesões vermelhas e escuras no peritônio vesical e parietal. O anatomo-patológico das lesões evidenciou presença de endometriose. Nesse caso, é CORRETO afirmar que:
a) os análogos do GnRH são a primeira opção para o tratamento da dor e da endometriose intestinal e do septo retovaginal, pois induzem redução significativa b) o danazol é o medicamento mais efetivo para o tratamento da endometriose, em casos de dor ou infertilidade, mas tem seu uso limitado pelos efeitos colaterais c) os progestagênios, o danazol, a gestrinona e os agonistas do GnRH apresentam eficácia semelhante na resolução da doença documentada laparoscopicamente e d) os inibidores da aromatase e os agonistas seletivos da progesterona apresentam eficácia clínica comprovada no tratamento dos endometriomas e da
QUESTÃO 31


Considere as seguintes afirmativas sobre o sangramento genital nas diversas faixas
I. As adolescentes com menorragia grave, principalmente na menarca, devem ser submetidas a rastreamento de anormalidades da coagulação, incluindo II. A curetagem uterina é o melhor método para se avaliar o endométrio em pacientes com sangramento uterino anormal, principalmente se houver III. Na ausência de terapia hormonal, qualquer sangramento após a menopausa deve ser avaliado com biópsia de endométrio, já que, nessa faixa etária, no mínimo um quarto dessas mulheres têm uma lesão neoplásica.
Assinale a alternativa CORRETA:
QUESTÃO 32

BBC, 23 anos, G5P4A1, vida sexual ativa (seis parceiros), sem uso de qualquer
método contraceptivo, comparece à consulta ginecológica com queixa de hemorragia pós-coito. Refere infecção pelo HPV tratada com cauterização há dois anos. O exame ginecológico revelou área iodo-negativa no lábio superior do colo e a citologia mostrou lesões intra-epiteliais de alto grau. Nesse caso, é CORRETO
a) A infecção pelo Papilomavírus humano (HPV), principalmente os tipos 6, 11, 16 e 52, provavelmente é o evento inicial no desenvolvimento do adenocarcinoma do b) O tratamento da infecção pelo HPV é fundamental, já que pode-se obter a cura através do uso local de ácido tricoloroacético a 80% ou pela exérese cirúrgica c) O uso de testes moleculares (PCR) para a identificação dos tipos de HPV é fundamental na determinação do tratamento a ser realizado (cirurgia ou d) A colposcopia deve ser realizada e os achados colposcópicos que sugerem câncer invasor são: vasos sangüíneos anormais, contorno irregular da superfície, com perda do epitélio superficial e alteração da coloração.
QUESTÃO 33

Sabe-se que o câncer de mama representa cerca de um terço de todos os cânceres
em mulheres. Considere as afirmativas abaixo sobre o câncer de mama e assinale a alternativa CORRETA:
a) O uso de contraceptivos orais aumenta o risco de câncer de mama, principalmente após 10 anos de uso ou se houver coexistência de doença b) Apenas 20% das mulheres que desenvolvem câncer de mama têm história familiar da doença, mas qualquer história familiar de câncer de mama aumenta o c) As mutações genéticas freqüentemente estão associadas ao câncer de mama, principalmente as deleções BRCA1 e BRCA2, e, portanto, o rastreamento dessas alterações deve ser realizado nas mulheres após a menopausa. d) A lactação reduz o risco de câncer de mama assim como a ocorrência de gravidez, de modo que mulheres que nunca engravidaram e, portanto, nunca amamentaram, têm maior risco de desenvolver câncer de mama do que as QUESTÃO 34

Em relação à abordagem sindrômica das doenças sexualmente transmissíveis
(DST), assinale a afirmativa CORRETA:
a) O diagnóstico laboratorial e o tratamento a ser instituído no momento da consulta visam aos agentes etiológicos mais comuns na síndrome identificada. b) Durante a gravidez, a eritromicina é a droga recomendada para o tratamento da sífilis, já que a penicilina está associada à ocorrência de reação grave de Jarisch- c) Como o diagnóstico laboratorial imediato não é conclusivo e nem sempre está disponível em casos de úlcera genital, recomenda-se o tratamento para as causas mais freqüentes de úlcera genital: herpes e linfogranuloma venéreo. d) Se a úlcera genital tiver mais de quatro semanas de evolução, deve-se iniciar tratamento com penicilina G benzatina associada a azitromicina para o
QUESTÃO 35

MVS, 54 anos, tabagista, IMC = 31,3 Kg/m2, menopausa há dois anos, sem sintomas
vasomotores, com história de coronariopatia e uso prolongado de anticoagulantes e corticóides. Em relação ao uso da terapia hormonal (TH) com estrogênio e progesterona neste caso, é CORRETO afirmar:
a) A TH está indicada para a prevenção de osteoporose, doença cardiovascular e câncer colorretal, visto que o risco de doença tromboembólica está controlado b) A TH está indicada, na menor dose possível, nos próximos 10 anos, em virtude do elevado risco de osteoporose e para proteção contra doença cardiovascular, além da prevenção do câncer colorretal. c) Devem ser consideradas outras alternativas à terapia hormonal, como os bifosfonatos e suplementação com cálcio para a osteoporose, além de controle cardiológico (uso de estatinas, dieta e atividade física). d) A TH deve ser indicada devido à presença de vários fatores de risco para osteoporose, visto que não há história familiar de câncer de mama e que o risco de eventos tromboembólicos só aumenta após cinco anos de uso. QUESTÃO 36

MTC, 62 anos, G6P5A1, menopausa há 10 anos, comparece à consulta
ginecológica com resultado de ultra-sonografia endovaginal evidenciando massa ovariana à esquerda, cística, multisseptada, com conteúdo heterogêneo, com seis centímetros de diâmetro. A conduta ADEQUADA nesse caso é:
a) solicitar ressonância nuclear magnética. b) realizar laparotomia exploradora com ooforectomia bilateral. c) acompanhar com ultra-sonografia e dosagens seriadas de CA-125 e alfa- d) realizar aspiração da massa cística com auxílio da ultra-sonografia e enviar
QUESTÃO 37

Os critérios de elegibilidade médica para uso de métodos anticoncepcionais foram
desenvolvidos pela Organização Mundial de Saúde para auxiliar os profissionais de saúde. De acordo com esses critérios, é CORRETO afirmar:
a) Na presença de tireoideopatia, tuberculose, epilepsia ou miomas uterinos, os anticoncepcionais orais podem ser usados sem restrições. b) Na presença de trombose venosa profunda, cardiopatia isquêmica ou acidente vascular cerebral, o acetato de medroxiprogesterona trimestral pode ser usado c) Na presença de cefaléia moderada e enxaqueca sem sintomas neurológicos focais, os anticoncepcionais orais ou injetáveis não devem ser usados devido aos d) Na presença de diabetes com doença vascular ou com mais de 20 anos de duração, os anticoncepcionais orais ou injetáveis podem ser usados, pois as QUESTÃO 38

GLM, 29 anos, nuligesta, ciclos menstruais regulares com dismenorréia intensa
desde a menarca, foi submetida a videolaparoscopia diagnóstica, que evidenciou presença de lesões sugestivas de endometriose no fundo de saco, superfície ovariana e peritônio vesical. Nesse caso, é CORRETO afirmar:
a) A ultra-sonografia pélvica endovaginal e a dosagem sérica de CA-125 são exames fundamentais para confirmar o diagnóstico videolaparoscópico de b) Observa-se forte correlação entre intensidade das manifestações clínicas da endometriose e o seu estadiamento, e apenas 5% das mulheres são c) O exame físico é normal na grande maioria das mulheres com endometriose, sendo que a possibilidade de se encontrar anormalidades aumenta se o exame d) Entre 20 e 80% das pacientes submetidas a videolaparoscopia para tratamento de dor pélvica crônica apresentam doença intraperitoneal importante, como endometriose, aderências e varizes pélvicas.
QUESTÃO 39

No que se refere ao uso de exames complementares em ginecologia, é CORRETO

a) A ecografia pélvica deve ser realizada anualmente, após os 50 anos, como
método de rastreamento de câncer de ovário e de endométrio. b) A histerossalpingografia é o melhor método para se avaliar a motilidade tubária e a presença de aderências peritubárias. c) A mamografia deve ser realizada anualmente, após os 40 anos de idade, somente em usuárias de terapia hormonal e anticoncepcionais orais. d) A densitometria óssea é usada para avaliar a densidade mineral óssea e está indicada em pacientes de risco para osteoporose e na monitorização do QUESTÃO 40

Considere as afirmativas abaixo sobre a avaliação da perda gestacional de
I. Cerca de 5% dos casais com perda gestacional de repetição apresenta algum tipo de anomalia cromossômica estrutural, em geral uma translocação II. A pesquisa de anticorpos antifosoflípides está indicada em perdas de repetição no primeiro trimestre e a determinação do HLA do casal deve ser III. A pesquisa inicial de anomalias mül erianas deve ser feita com histerossalpingografia, sendo que, nos casos de útero septado, o prognóstico gestacional é bom, não havendo indicação primária de correção cirúrgica.
Assinale a alternativa CORRETA:

QUESTÃO 41

São medicamentos teratogênicos:
a) clonidina, dimenidrinato, fluoxetina, gentamicina e lítio. b) acetominofen, dipirona, cloranfenicol, danazol e fenitoína. c) carbamazepina, ciclofosfamida, danazol, fenitoína e warfarin. d) anfotericina, aciclovir, cloranfenicol, sulfonamidas e quinolonas.
QUESTÃO 42

Em relação ao acompanhamento da gestante diabética, é CORRETO afirmar que:
a) a insulinoterapia deve ser instituída nos casos de diabetes gestacional quando a glicemia de jejum < 95 mg/dl ou pós-prandial < 120 mg/dl. b) constituem fatores de mau progóstico (classificação de Pedersen) durante a gravidez a ocorrência de infecções urinárias, hipoglicemia e glicosúria. c) o bom controle glicêmico pré-concepcional é fundamental, pois o descontrole glicêmico nesse período está associado à ocorrência de anomalias fetais. d) a pesquisa de glicose na urina e as glicemias aleatórias, assim como a hemoglobina glicosilada (HbA1c), são usados no rastreamento do diabetes QUESTÃO 43

MCM, 23 anos, primigesta, 35 semanas de gestação, com doença hipertensiva
específica da gravidez (DHEG), evoluindo com crise hipertensiva, é admitida no Pronto Atendimento da Maternidade Municipal. Nesse caso, é CORRETO afirmar:
a) O sulfato de magnésio deve ser administrado, pois, além de anticonculsivante, apresenta efeito hipotensor significativo. b) A hidralazina é o medicamento de escolha no tratamento de crises hipertensivas na gravidez, sendo o labetalol a segunda opção. c) O atenolol é o medicamento de primeira escolha para o tratamento de crises hipertensivas no segundo trimestre da gestação. d) Geralmente administra-se hipotensor quando a pressão diastólica ultrapassa 90 mmHg, com o objetivo de reduzi-la para 80 a 70 mmHg.
QUESTÃO 44

Em relação ao diagnóstico do crescimento intra-uterino restrito (CIUR), é
INCORRETO afirmar que:
a) a determinação correta da idade gestacional é o primeiro passo para o b) a biometria fetal e o peso fetal estimado são parâmetros ultra-sonográficos c) a dopplervelocimetria, a cardiotocografia e o perfil biofísico fetal são fundamentais no diagnóstico do CIUR simétrico. d) a circunferência abdominal é a primeira a diminuir o padrão de crescimento, constituindo o parâmetro mais sensível no diagnóstico do CIUR assimétrico.
QUESTÃO 45

WASP, 31 anos, G3P2A1, 2 cesáreas prévias, 36 semanas de gestação, comparece
ao Pronto Atendimento da Maternidade Municipal relatando dor abdominal intensa sem perdas genitais. O exame físico revelou: PA: 130/90 mmHg, UF: 31 cm, BCF: 110 bpm, útero hipertônico. Toque: colo longo, posterior e fechado e ausência de sangramento genital. Nesse caso, a MELHOR conduta é:
b) prescrever uterolíticos e monitorizar bem-estar fetal. c) solicitar hemograma e tipagem sangüínea, prescrever corticoterapia e iniciar d) solicitar ultra-sonografia para avaliar vitalidade fetal e confirmar o diagnóstico de QUESTÃO 46

CBS, 28 anos, G4P3A1, apresentando sangramento aumentado no pós-parto
imediato. Constituem fatores de risco para hemorragia pós-parto, EXCETO:
a) polidrâmnio, gestação múltipla, trabalho de parto prolongado. b) síndrome de Sheehan, trombofilia, uso de drogas uterotônicas. c) trabalho de parto prolongado, acretismo placentário, multiparidade. d) inversão uterina, infecção intra-amniótica, doença de von Wil ebrand.
QUESTÃO 47

CPF, 23 anos, primigesta, idade gestacional 11 semanas, HIV positivo, deseja
esclarecimentos quanto à probabilidade de transmissão vertical do vírus HIV. Nesse caso, é CORRETO afirmar:
a) O tempo de rotura das membranas é o principal fator determinante de b) A carga viral só passa a ter importância quando for maior que 1.000 cópias/ml, se c) A carga viral materna está diretamente relacionada a maior ou menor probabilidade de transmissão vertical do vírus. d) O momento mais importante para a transmissão do vírus HIV é periconcepcional, principalmente se houver sangramento de implantação.
QUESTÃO 48

Em uma parturiente Rh negativo DU negativo, parceiro Rh negativo DU positivo com
RN Rh positivo DU positivo e Coombs direto negativo, a conduta CORRETA é:
a) administrar a imunoglobulina Rh até 72h após o parto. b) realizar a prova de Kleihauer e somente administrar a imunoglobulina Rh se o c) checar se há incompatibilidade do sistema ABO e administrar a imunoglobulina d) pesquisar hemácias fetais na circulação materna até o 28o dia de pós-parto e somente administrar a imunoglobulina Rh se o teste for negativo. QUESTÃO 49

LLC, 32 anos, G3P0A3 com diagnóstico clínico e laboratorial de síndrome de
anticorpos antifosfolípides. Em relação à abordagem dessa paciente, é CORRETO
a) Está indicado o tratamento com heparina de baixo peso molecular e corticóides b) Está indicado o tratamento com aspirina em baixas doses e corticóides a partir c) Está indicado o tratamento com aspirina em baixas doses se confirmada a presença de mutação do gene da protrombina. d) Está indicado o tratamento com aspirina em baixas doses e heparina não- fracionada assim que a paciente engravidar.
QUESTÃO 50


Em relação às infecções em ginecologia e obstetrícia, é CORRETO afirmar que:
a) o tratamento das vulvovaginites em dose única é mais efetivo que em dose prolongada, mas o parceiro deve ser tratado sempre que possível. b) em pacientes vítimas de violência sexual, a profilaxia das doenças sexualmente transmissíveis deve ser feita com azitromicina 1g VO em dose única. c) são considerados critérios maiores para o diagnóstico de doença inflamatória pélvica (DIP): febre (>37,8oC), secreção vaginal purulenta e dor à mobilização do d) febre puerperal é a presença de temperatura axilar > 38oC, medida em quatro ocasiões distintas, por pelo menos dois dias consecutivos, nos primeiros 10 dias após o parto, excluídas as primeiras 24 horas. ATENÇÃO

COM SUA ESCRITA HABITUAL, TRANSCREVA, PARA O ESPAÇO
RESERVADO PELA COMISSÃO, NA FOLHA DE RESPOSTAS, A SEGUINTE
Responsabilidade social: é prioritário que todas as empresas sejam responsáveis

Source: http://www.betim.mg.gov.br/prefeitura_de_betim/superintendencias/recursos_humanos/concursos/provas/64%20med%20gineco%20obstetra.PDF

merrionstreet.ie

IDA Ireland is the Irish Government’s inward investment promotion agency, responsible for the attraction and development of foreign direct investment in Ireland. Today Ireland is the location of choice for some of the most innovative companies in ICT and digital media, life sciences, engineering, business services and financial services. To find out why these companies and others hav

Safetygram-1: gaseous oxygen

Safetygram-1 Gaseous Oxygen This crude oxygen liquid is withdrawn fromthe column and sent to a low-pressurecolumn where it is distilled until it meetscommercial specifications. The liquid oxygenis sent to a cryogenic storage tank. odorless, tasteless, and nonflammable. Oxygen is necessary to support life. It is astrong oxidizer that combines readily withcontain some of the same unit proce

Copyright © 2010-2014 Medical Pdf Finder